Campanha Nacional 2017: Sindicato envia ofícios à Banpará e Banco da Amazônia para construção de termos de compromisso

0

A categoria bancária está em Campanha Nacional em defesa dos bancos públicos e pela manutenção de direitos. Nesse sentido, diante do cenário da conjuntura atual de aprovação da terceirização (Lei 13.429/2017) e da antirreforma trabalhista (Lei 13.467/2017), as quais interferem diretamente na dinâmica de representação e de negociação entre patrões e empregados.

Para defender as conquistas da Campanha 2016, onde a categoria bancária aprovou uma Convenção Coletiva de Trabalho bi-anual, com validade até 2018, o Comando Nacional propôs à Fenaban a construção de um Termo de Compromisso para que se proteja empregos, resguarde direitos históricos e delimite os atos nocivos que possam vir dessas leis aprovadas e de outras que ainda tramitam no Congresso Nacional, como a Reforma da Previdência.

Seguindo essa dinâmica, o Sindicato dos Bancários do Pará remeteu na última sexta-feira (8) ofícios ao Banpará e ao Banco da Amazônia propondo a construção desses termos de compromisso para garantir as conquistas da categoria nessas instituições dentro dos Acordos Coletivos vigentes.

Nos ofícios, o Sindicato sugeriu ao Banpará o dia 14 e ao Banco da Amazônia o dia 15 de setembro como data para as reuniões a fim de tratar sobre esse assunto.

“A conjuntura de golpe no país tem sido extremamente prejudicial à classe trabalhadora e como nossa Campanha Nacional tem como eixo a defesa dos bancos públicos e a preservação de nossos direitos, queremos dialogar com os bancos sobre a necessidade que temos de firmar esse termo de compromisso, no sentido de garantir tudo o que conquistamos na greve do ano passado. Esperamos que as instituições financeiras tenham essa mesma disposição democrática que estamos propondo”, afirma o presidente do Sindicato, Gilmar Santos.

Atos em defesa do Banpará e Banco da Amazônia

Seguindo o calendário de mobilizações em defesa dos bancos públicos, o Sindicato agendou para essa semana mais dois atos públicos: no dia 13/09 (quarta) tem ato em defesa do Banpará e no dia 15/09 (sexta) o ato é em defesa do Banco da Amazônia.

As manifestações serão em frente à matriz das respectivas instituições, momento em que o Sindicato quer dialogar com a categoria e com as direções das empresas sobre a construção dos termos de compromisso já oficiados.

 
Fonte: Bancários PA

Comments are closed.