Ato Público comemora os 160 anos da Caixa

0

Manifestação teve críticas aos ataques de Bolsonaro contra a Caixa e bolo em reconhecimento ao trabalho dos empregados do banco nessa pandemia.

No último dia 12, a Caixa Econômica Federal completou 160 anos. No Pará, a data foi marcada por um ato simbólico em frente à agência da Pedreira, em Belém. A comemoração se deu com falas de resistência contra os seguidos ataques do governo, na tentativa de sucatear e privatiza a instituição que segue mobilizada por seus empregados, empregadas, categoria bancárias e demais entidades dos movimentos sociais para que ela permaneça 100% pública.

Nesses 160 anos, a Caixa, seus empregados, empregadas e o povo brasileiro têm muito do que se orgulhar com um passado bonito e de muita luta em defesa da liberdade do nosso povo.

“Falar da Caixa é também falar da história do Brasil, pois nesses 160 anos, ela participou ativamente do desenvolvimento do nosso país. Desde os tempos em que havia escravos aqui, a Caixa contribuiu para que muitos deles conseguissem comprar suas cartas de alforrias. Então, ela é sim sinônimo de orgulho para o nosso povo”, destacou Cristiane Aleixo, diretora de bancos federais do Sindicato e empregada da Caixa.

Mesmo sob forte ataque do governo Bolsonaro com o sucateamento das agências e do serviço público, e ameaças de privatização, a Caixa segue sendo o banco da nossa gente, e nessa pandemia tem mostrado, mais do que nunca, a sua importância central para a garantia dos direitos econômicos e sociais da população, principalmente daqueles e daquelas que mais precisam.

Para a Tatiana Oliveira, presidenta do Sindicato dos Bancários e também empregada da Caixa, é necessário comemorar, como também é imprescindível denunciar as tentativas de desmonte do banco. “A gente tem que celebrar sim, mas precisamos denunciar o quanto é triste ver que a empresa que a gente constrói todo dia, está sendo atacada de privatização e fatiamento”, denuncia.

mesmo com todos esses ataques, os bancários e bancárias da Caixa demonstram mais uma vez o seu valor diante dessa grave crise sanitária, onde permanecem na linha de frente, servindo ao povo como, verdadeiros heróis e heroínas.

“Um banco que abre suas portas às 7h da manhã e consegue pagar o funcionalismo, consegue pagar o trabalhador e a trabalhadora que fica horas na fila esperando o auxílio que pode significar um almoço e um jantar de semanas da sua família. Então, é importante que se dê parabéns à Caixa Econômica por continuar resistindo e por cumprir esse papel relevante ao povo paraense e ao povo brasileiro”, felicitou Vera Paoloni, vice-presidenta do Sindicato dos Bancários.

Parabéns à Caixa e a todos os seus empregados e empregadas!

Comments are closed.